domingo, 15 de julho de 2012

... até em Timor!

Segundo informação da polícia, um grupo de “jovens”(energúmenos, talvez!) esteve, ontem, nas ruas de Dili a apedrejar carros. O resultado foram 58 viaturas destruídos e três ou quatro pessoas hospitalizadas, mas a situação em geral está calma.
O secretário-geral Conselho Nacional da Reconstrução de Timor-Leste (CNRT), Dionísio Babo, disse à Lusa que tudo aconteceu logo depois da decisão do CNRT de formar uma aliança com o Partido Democrático e a com Frente Mudança, rejeitando uma coligação com a Frente Revolucionária de Timor-Leste Independente (Fretilin), que, pela primeira vez, perdeu as eleições legislativas no país.
O embaixador de Portugal em Timor-Leste aconselhou hoje os portugueses residentes em Díli a evitarem "saídas de casa" durante a noite. NM/JPF(CFF). Lusa

Por que será que:
Quando a esquerda se afunda na oposição, o impulso que vai exercer na rua é igual ao peso do poder perdido”. J. A. Gundín no la Razon

1 comentário:

Gaivota Maria disse...

Porque não se encontram dentro da oposição