quinta-feira, 25 de fevereiro de 2010

“O senhor primeiro-ministro nunca foi constituído arguido”.

A directora do Departamento Central de Investigação e Acção Penal, titular do processo, questionada pelos jornalistas no Parlamento sobre notícia do PÚBLICO desta semana que dava conta de que o primeiro-ministro não seria acusado, recusou-se a responder tendo em conta que o processo ainda não está concluído, mas fez questão de afirmar: “O senhor primeiro-ministro nunca foi constituído arguido”. PUBLICO.PT

Sem comentários: