quinta-feira, 11 de abril de 2013

um “mais igual que outros”

A Caixa Geral de Depósitos exige garantias a quem pede empréstimos para estudar no estrangeiro, principalmente se esse valor for elevado. Mas no caso do comentador Sousa, parece não ter sido assim. A CMTV foi à CGD pedir um empréstimo, no valor entre os 75 e os 100 mil euros. Objetivo: estudar em Paris durante um ano. Saiba o que aconteceu.
 

1 comentário:

ESCRIVA disse...

E assim se passou luxuosamente uma ano e pico a fazer uma formação em Paris. Agora foi de borla mas tem cama,mesa e roupa lavada. Não sei que formação específica estará a fazer.Esperemos que pelo menos saia outra tese cujo tema seja algo tipo "A tortura de um ex-primeiro ministro na solitária" ou "Memórias do prisioneiro 44". A escolha do título é democrática e pessoal. Que não se esqueça é de mandar os drafts para corrigir ao Vital Moreira.