terça-feira, 8 de janeiro de 2013

Democracia: cada qual toma a que quer?

pressão ilegítima:
O PS, isto é, o deputado Miguel Laranjeiro, acusou o secretário de Estado do Orçamento de ter exercido uma pressão ilegítima sobre o Tribunal Constitucional e exigiu saber se o primeiro-ministro subscreve a atitude assumida por esse membro do seu Governo. público
 
pressão legítima:
O secretário-geral da CGTP, Arménio Carlos, apela aos juízes para que não se deixem pressionar pelo governo no que diz respeito à decisão que vai ser tomada e que espera que o Tribunal Constitucional não dê cobertura “a uma ilegalidade que é monstruosa”. rtp 
 
É básico dizer-se que “estamos em democracia, a opinião é livre!”, sentença estúpida porque devia ser ao contrário: "sou livre, tenho opinião, estou em democracia!"
Mas ainda mais estúpido é exigir que o cidadão Morais Sarmento, que está Secretário de Estado, não tenha ou emita a sua opinião e, ao invés, os cidadãos Laranjeiro (que está deputado) e Carlos (que ficou sec-geral) o possam fazer!
Para alguns, a democracia não é como a “agua benta” e apenas uns tomam a que querem…

Sem comentários: