segunda-feira, 25 de junho de 2012

juros a acrescentar à divida...

O PSI 20 terminou a sessão a perder 0,94% para 4649,90 pontos.
O Banco Central Europeu, que possui 210 500 milhões de euros em dívida soberana de países da moeda única, anunciou hoje não ter comprado dívida dos países em dificuldades na Zona Euro na semana passada, somando 15 semanas seguidas sem o fazer.
O ministro designado das Finanças do novo governo da Grécia renunciou ao cargo.
O euro, em véspera dos leilões de dívida de Itália e Espanha, perdeu terreno face ao dólar, seguindo a 1,2498 dólares, abaixo dos 1,2566 dólares de sexta-feira passada.
As moedas dos quatro maiores países emergentes estão a apresentar as maiores quebras desde pelo menos 1998. O real brasileiro perdeu 12%, o rublo de 11,5%, a rupia 10% e o yuan chinês 1,2%.
A Fitch baixou a nota da República de Chipre para a categoria especulativa de BB+.
O Chipre oficializou hoje o pedido de ajuda financeira à União Europeia.
A Moody's alertou a banca espanhola que irá publicar uma nota de revisão em baixa de entre dois a três níveis a todas as entidades financeiras de Espanha.
A Espanha oficializou o pedido de “resgate” para o sector bancário, duramente afectado pela “explosão” da chamada “bolha imobiliária”.
A taxa de desemprego na Grécia atingiu novos números recorde no primeiro trimestre de 2012, 22,6% da população activa estava sem trabalho.

Sem comentários: