quinta-feira, 14 de junho de 2012

juros a acrescentar ao empréstimo... ataque à Espanha e à Itália

O PSI 20, ganhou 0,88% para 4.447,57 pontos, nos primeiros ganhos da semana.
Os resultados das perfurações na Boa-Fé, no concelho de Évora, evidenciam "graus impressionantes" daquele metal precioso, "perto da superfície".
A inflação registou, em Maio, uma variação homóloga de 2,7 por cento, 0,3 pontos percentuais abaixo de Abril.
O Euro apreciou 0,09% face ao dólar, cotando nos 1,2568 dólares.
Os custos horários da mão-de-obra aumentaram a um ritmo anual de 1,5% no primeiro trimestre revela hoje o Eurostat.
A dívida da banca espanhola ao Banco Central Europeu aumentou para 287.813 milhões de euros.
O FMI já aprovou o pagamento de 1,4 milhões de euros à Irlanda, a sétima tranche do empréstimo total de 22,5 milhões.
O Tesouro italiano colocou 4.500 milhões de euros em dívida a três, sete e oito anos, pagando um juro médio de 5,3%, acima dos 3,91% do anterior leilão com este prazo.
A Moody's anunciou a descida do rating da dívida soberana espanhola a longo prazo em três níveis de A3 para Baa3.

Sem comentários: