quinta-feira, 9 de dezembro de 2010

Depois de nós vêm mais pigs…

Em Portugal, 59 por cento das pessoas que arranjaram trabalho no segundo trimestre de 2010 eram pouco escolarizadas. É o que se lê no relatório da Comissão Europeia que indica que esta situação resulta provavelmente de uma conjugação entre a estrutura económica e o nível de escolaridade. Depois de nós, no ranking, ficam Malta (52 por cento) e os “pigs” Espanha (50 por cento), Itália (43 por cento) e Grécia (37 por cento).
Um “hino” às Novas Oportunidades das tias Lurdes e Isabel.

1 comentário:

Gaivota Maria disse...

Mais 2 anos de NO e governo xuxialista e só concorreriam analfabetos que é o que resta da população sem escolaridade completa