quarta-feira, 6 de outubro de 2010

Juristas portugueses recusados para o Tribunal Europeu

A Subcomissão Jurídica do Conselho da Europa rejeitou a lista portuguesa para o Tribunal Europeu para os Direitos do Homem alegando falta de qualidade, composta pelos juristas Paulo Pinto de Albuquerque, Anabela Rodrigues, professora na Universidade de Coimbra, e João Manuel da Silva Miguel, actual representante português no Eurojust.
Porquê ?
«Quero deixar vincado o meu vivo repúdio quanto à forma como a assembleia parlamentar, em Estrasburgo, solicitou a rejeição da lista», afirmou a Prof. Doutora Anabela Rodrigues, e sublinhou que «como cidadã, lamento profundamente a desconsideração feita ao Estado português, que conduziu o processo de selecção com total transparência, publicidade e democraticidade». tsf 07 Outubro 2010.

Sem comentários: