sexta-feira, 29 de abril de 2011

acabou o mau cheiro e o governo?

O primeiro-ministro e a ministra do Ambiente inauguram hoje a Estação de Tratamento de Águas Residuais (ETAR) de Alcântara, um investimento de 70 milhões de euros que vai contribuir para a despoluição em definitivo do Estuário do Tejo, diz o Diário Digital

A 3ª ETAR de Lisboa, um equipamento essencial ao Tejo, à cidade e aos suburbios, será tri-inaugurada para, via dezenas de pmj de jornais, rádios e tv's, encher o olho a imbecis, mas também, tirar o mau cheiro que durante meia duzia de anos poluiu o nariz dos alfacinhas do Casal Ventoso.
Se bem me lembro, o Sistema Interceptor de Águas Residuais da Cidade de Lisboa, está em actividade desde 1996 (1 de Julho) e esta ETAR de Alcantara vem, acompanhada da de Beirolas e Chelas, desde os anos 80 do século passado.
Nos final de 2006, Nunes Correia, o ministro do ambiente que vivia em Campo de Ourique e era um dos lisboetas que mais sofriam e conviviam diariamente com o mau cheiro, inaugurou esta empreitada "de três anos" que iria libertar o seu nariz do cheiro a trampa e afirmou que isso custaria, a nós contribuintes, apenas 64,4 milhões de euros.
O "acrescento" que passou de três a cinco anos, no início deste ano já custava mais 70 milhões de euros, deu oportunidade à ministra Dulce Pássaro, repetir o que havia dito, em Janeiro, junto ao simbólico Cais das Colunas, de voltar a referir que "é agora que o estuário do Tejo vai voltar a receber novas espécies, bivalves e golfinhos incluidos..".

Mas, caro leitor, aproveite e dê uma olhadela ao “O Fado do Tejo Mudou” e vai descobrir como se usa a propaganda para unir em feixe os imbecis e os idiotas úteis que vão "botar na xente".

Confesso que é de louvar que tenham inaugurado este inicio do "fim das obras" dando oportunidade ao próximo governo de "inaugurar", lá para o fim do ano, o fim do imenso estaleiro das construtoras do regime.
Bem sei que "eles" não devem ir mais longe que o inaugurar "inicio do fim" porque, é quase uma tradição, depois da "inauguração" da ETAR de Alcantara cai o executivo da Camara ou do Governo e "eles" não esquecem Carmona, Santana ou Nunes Correia, entre outros... AMEN!

Sem comentários: