terça-feira, 15 de dezembro de 2009

os Leopard chegaram ao Exercito

Os últimos oito carros de combate Leopard, adquiridos às forças armadas holandesas, chegam hoje ao Campo Militar de Santa Margarida e destinam-se a equipar o Grupo de Carros de Combate da Brigada Mecanizada, concluindo o «processo de modernização» deste equipamento que vai substituir os tanques M60 A3 TTS, em uso no Exército Português desde os finais dos anos 80 O Exército «adquiriu 37 carros de combate Leopard 2A6», tendo os primeiros sido entregues em 22 de Outubro do ano passado. Sol Os Leopard 2 que estão a ser transferidos para Portugal foram adquiridos no padrão A4, posteriormente modernizados para o A5 e recentemente, para o A6 que agora chega a Portugal. Os blindados foram comprados por um valor que não deve chegar aos 80 milhões de euros. Embora não seja propriamente o tanque mais moderno do mundo, o Leopard 2A6 é um dos melhores tanques em operação atualmente, no mundo. Esta classificação deve muito ao longo canhão de 120 mm L/55 da Rheinmetal e a qualidade desta arma é a principal diferença entre a versão 2A6 e as anteriores 2A4 e 2A5, que utilizam o canhão L/44. Contudo, como por cá nunca nada é feito completamente certo… O número de tanques é inferior às necessidades. Portugal sempre operou mais de 100 blindados de primeira linha, e agora teremos apenas 36 Leopard 2. Esta é uma redução de capacidade notável, a que o aumento de qualidade dos MBTs não basta para compensar. A redução para um terço da força implica uma severa redução de custos, já que este tipo de veículos é provavelmente o mais dispendioso ao serviço do Exército. mais »»

Sem comentários: