quinta-feira, 15 de setembro de 2011

um “saco de gatos”?

Francisco Assis mostrou-se hoje incomodado com o teor da primeira intervenção política do seu sucessor no cargo, Carlos Zorrinho, que falou num "novo PS", "próximo das pessoas".
"Falar-se em regeneração, tipo PRD, causa-me sempre irritação. O PS tem de fazer as suas rupturas, mas tem de assumir também de forma crítica o seu passado recente", referiu.
Outros deputados referiram à agência Lusa que o novo presidente do Grupo Parlamentar dos socialistas deve ser "cauteloso nas suas intervenções, porque nos governos de José Sócrates desempenhou as funções de coordenador do Plano Tecnológico e foi secretário de Estado da Energia e Inovação".
Parece que já se perspectiva que o conhecido “saco de gatos” mudou de partido!

Sem comentários: