terça-feira, 12 de novembro de 2013

um bando de ganapos !

perante tantos génios confesso a minha ignorância!
 
Um senhor ministro botou que o “bom” para o País seriam juros a 4,5% e todos desataram a criticar-lhe a gaffe. Até o comentador da vila de cascais foi á vila de baixo disto dizer da sua opinião, seguramente uma “opinação” pró pré-presidencial, em frente à mais sábia apresentadora da tv  que foi religiosa e agora é das espanhas psoe.
 
Claro que eu que pensava que 4,5% era menos mau, agora estou confuso!
Obvio que “o melhor” seria estar, quando da saída da тройка, como a Irlanda - que se livra do “protectorado” em Dezembro - nos 3,53%, mas, como o “óptimo é inimigo do bom”, não me atrevo a auspiciar os 1,78 da Germânia (a descer, com a chancelerina a subir) ou os 2,32 da Gália (a subir, com m. hollande a descer). 
 
É por isso que estou confuso e me sinto ignorante!
Não consigo perceber se, para tão ilustres comentadeiros, o ideal serão os 8,44 da Grécia, tão esquecidos que estão dos “quatro e tal” da Espanha ou da Itália, ou, se para serem politicamente correctos, apenas querem estar ao nível dos resultados do “ranking” do ensino nacional.
 
Para já, numa semana, baixámos 1%!
Esperemos agora que, a exemplo do sucedido na pós “inabalável demissão” e das doutas determinações do colectivo constitucional, a malta a quem pedimos a massa emprestada não nos ponham, outra vez, de “castigo” como se fossemos aquilo que somos:
um bando de ganapos !

Sem comentários: