sexta-feira, 1 de março de 2013

Quinhentos mil casas sem água porque “as pessoas não querem”


Existem cerca de 500 mil alojamentos em Portugal, cujas áreas onde se situam possuem rede de abastecimento de água mas que a ele “não estão ligado” porque “as pessoas não querem”, afirmou Jaime Melo Baptista, o presidente da ERSAR. O mesmo se passa ao nível do saneamento. Melo Batista ainda adiantou que, além daqueles, há cerca de 390 mil outros fogos sem abastecimento de água, mas estes não são servidos, nas suas respectivas áreas, pela rede pública. noticias.pt e © 2013 LUSA 
 
Fora a boa noticia, avançada pelo administrador da AdP, de que “não vai haver privatização da água” em Portugal e que “a gestão da água continuará a ser pública” o texto do ANTÓNIO COTRIM da LUSA mostra-nos que parte do país está ainda na Idade Média:
“A cobertura de abastecimento de água em Portugal “é elevada”, mas “o país é pouco uniforme”, isto é, há municípios onde 99% dos alojamentos estão ligados à rede pública e outros onde essa taxa é de 27%.”,
“Em relação ao saneamento básico, a situação é menos satisfatória”, considerou o presidente da ERSAR, adiantando que “há um milhão e cem mil alojamentos”, cujas áreas onde se localizam não dispõem de rede de saneamento.
Quem é que nos andou a enganar?

Sem comentários: