segunda-feira, 25 de julho de 2011

corrupção e justiça

O tribunal de Braga condenou o advogado Ricardo Sá Fernandes num processo de difamação movido pelo empresário Domingos Névoa, sócio principal da BragaParques. O antigo secretário de Estado foi condenado a uma pena de multa e terá ainda que indemnizar o empresário em 10 mil euros.
A decisão do juiz baseia-se no facto de a condenação do empresário por corrupção não ter ainda transitado em julgado.
Entretanto
Trinta e seis pessoas suspeitas de corrupção foram detidas pela PJ nos primeiros seis meses deste ano.

Sem comentários: