sexta-feira, 5 de dezembro de 2014

O que é que está errado nos nossos informáticos?

Lembram-se do Citius? E da “colocação de professores”? Já esquecemos o apagão do Sistema de Informação do Serviço Nacional de Saúde?
Agora, segundo os “vendedores de automóveis”, um “crash” informático impede a emissão de matrículas para automóveis desde o início de Dezembro.
Para ajudar, o jornal Sol noticia hoje que “o receio de um colapso na plataforma informática dos impostos foi uma das razões que terá levado ao desaparecimento da Cláusula de Salvaguarda do IRS, que visava garantir que os contribuintes, em 2015, não iriam pagar mais que em 2014.

Pouco a pouco vou confirmando a ideia que, escaqueirada a escola em nome da pedagogia, matando, com “acordos”, o Português que nos fazia saber interpretar, desleixando a Filosofia que nos ensinava “a lógica dos processos” e descurando a Matemática, a Matemática essencial à “programação informática”, já saímos dos lugares cimeiros das Ciências da Computação e ficaremos, também nesta area, ao nivel dos analfabetos do Quarto Mundo.


O que é que está errado nos nossos informáticos?

Sem comentários: