terça-feira, 9 de junho de 2020

manif do bloco da extrema esquerda

Durante anos e anos, as universidades encheram-se de observatórios, gabinetes e institutos onde os líderes de extrema-esquerda se cobriram de títulos académicos e aumentaram a sua influência.
Pior, onde antes havia conhecimento eles colocaram a ideologia.
Temas de investigação, atribuição de bolsas, conferências… tudo passou a estar subordinado à sua visão do mundo.
Atribuem-se bolsas em função do sexo ou da cor da pele.
Discute-se se a matemática tem género e proíbem-se conferências de autores não alinhados. As universidades transformaram-se em  berçários de intolerantes. E de ignorância.

Sem comentários: