domingo, 16 de fevereiro de 2014

copy/paste

Poucos portugueses viram o “Olhos nos Olhos” com Medina Carreira, Henrique Neto e da inteligentíssima Judite. Foi na Segunda-Feira passada e está disponível no site da espanhola TVI. Era a hora das telenovelas e dos futebólicos comentários!
Ainda menos portugueses leram a Revista Observador onde, lá para 72/73 do século passado, se escrevia sobre Sines. O analfabetismo era atroz!
Mas sem analfabetismo, sem futebol e sem telenovelas, mas com memória, os portugueses ficariam a saber que o “Hub de Sines”, a ideia inovadora, do ainda sr. secretário-geral “tem barbas”, e que na pós-revolução lhe chamaram “Elefante Branco de Sines”, era originária dos governos dos srs. “presidentes do concelho”.
É evidente que mesmo não sendo inovadora a proposição é boa, sempre o foi. Às vezes o copy/paste resulta!

Mas confesso que achei graça ao notar que os ouvintes, do ainda sr. secretário-geral, o olhavam como se fora “palácio”…
Para onde terá ido a nossa memória?

Sem comentários: