quarta-feira, 1 de julho de 2020


Em declarações à Rádio Renascença Ana Abrunhosa que estava ministra admitiu que os descontos possam vir a aumentar nos próximos anos.

"Para que esta medida seja sustentável, nós temos que ir reduzindo gradualmente. A nossa proposta é, no futuro, à medida que o nosso orçamento do Estado consiga acolher, que consigamos trabalhar nesta redução para garantirmos que, de facto, as pessoas têm melhor qualidade de vida neste territórios e estamos naturalmente a privilegiar os territórios do interior, como está no programa do Governo e como ficou inscrito no Orçamento do Estado".

Sem comentários: