domingo, 24 de maio de 2020

Não há dinheiro que pague a raiz deste pensamento...

Enquanto escrevo aconteceu mais uma rixa na praia de Carcavelos. Pese as rixas na praia de Carcavelos terem-se tornado um item obrigatório de cada Verão o detalhe noticioso sobre o caso nunca vai além das expressões “grupos rivais” (qual será a rivalidade?) e a “arma branca” (será a faca de fazer sandes?) usada nas rixas entre os ditos grupos rivais.

Enquanto escrevo a Bélgica está a chegar aos 800 mortos por coronavírus por milhão de habitantes. Onde estão as notícias?

Enquanto escrevo em várias cidades de Espanha, a começar por Madrid, registaram-se manifestações-marcha automóvel de contestação à política do governo. Onde estão as notícias?
Foi preciso o apoio do governo aos media para que isto fosse assim? Não. Há muito tempo  que a linguagem dos jornais, rádios e televisões é a versão mediática do socialismo, ou melhor do progressismo. ( in “ Não há dinheiro que pague a raiz deste pensamentohelenafmatos )

Sem comentários: